fbpx
Notícias

Bitcoin cai mais 30% em maio e esta entre seu pior mês desde 2018. É hora de investir?

O BITCOIN fecha o mês de maio com mais de 35% de queda, este é seu pior desempenho desde 2018.

É natural a sua correção por conta de uma forte alta da CRIPTOMOEDA no começo do ano, além deste ter sido marcado por más notícias, principalmente envolvendo restrições da China e comentários de ELON MUSK  – (CEO DA TESLA).

Porque o BITCOIN desvalorizou tanto no mês de maio?

Até dia 12 de maio, a moeda estava andando em lateral (consolidação de preço) e oscilando em torno dos US$ 57 mil , até que ELON MUSK anuncia que a Tesla suspenderia a compra de veículos usando o BITCOIN, que iniciou uma forte movimentação de queda nos preços.

Esta foi uma decisão que pegou a todos os investidores de surpresa e acabou gerando um temor de que outras companhias pudessem tomar decisões parecidas, deixando os investidores bastante tenso.

 
 

O BITCOIN perdeu valor de um pouco mais de 21% em poucas horas, após a China colocar restrições para movimentações e transições que envolviam o BITCOIN.

 

Apesar de os analistas já preverem esta decisão, a forte queda acabou impulsionada pela grande quantidade de posições em aberto que havia no mercado, buscando evitar perdas. O início criou um efeito cascata que ocasionou a queda dos preços do BITCOIN.

 
 

Em declaração do vice premiê chinês Liu He e do Conselho de Estado, e as autoridades disseram ser necessária uma regulamentação mais rígida para proteger o sistema financeiro. Essa foi a primeira vez que um alto órgão do governo discutiu o assunto.

 

 

Imagens de exemplos e ilustrativas de Canal do Shin
Apesar do movimento negativo em maio, o BITCOIN ainda teve valorização de 28% em 2021.

 

 

Vale a pena comprar agora?

 

Em uma onda forte de queda de preços, há quem aponte que esta possa ser uma ótima oportunidade para se comprar BITCOIN.

Fonte: Infomoney

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, desative o Adblock para ver o conteúdo.